5 Dicas incríveis para melhorar a velocidade da sua internet sem gastar a mais por isso.

melhorar a velocidade da sua internet

Uma vez ou outra na vida, você já deve ter sofrido com a lentidão e a instabilidade da sua conexão, certo? Infelizmente, esse é um problema que ainda afeta a vida e o cotidiano de muitos brasileiros, visto que a internet em nosso país não é uma das mais rápidas. A boa notícia é que existem sim, vários métodos que permitem driblar essa situação. Um deles é utilizando um bom medidor de internet, verificando as configurações do modem, entre outros! Confira com a gente essas dicas incríveis.

Mas o que é velocidade?

 

O primeiro passo é saber como uma rede de internet funciona e como um dispositivo se conecta ao outro. Quando você acessa um site, seu computador ou celular utiliza a estrutura da operadora para fazer esse tráfego de dados entre o seu dispositivo e o servidor onde o site está hospedado. Sendo assim, a velocidade do plano contratado por você é medida em megabits por segundo. Por exemplo, se você tem uma conexão de 10 MB, a velocidade de download ficará em torno de 1,2 MB por segundo. Atualmente todas as operadoras precisam fornecer no mínimo, 40% dessa velocidade. Por isso é necessário ficar atento ao contrato de prestação de serviços.

Outro fator a ser levado em consideração é a latência, mais conhecido como ping, ele diz respeito ao tempo no qual o dispositivo envia e recebe os dados a um servidor. Quanto mais baixo for o número, maior a velocidade.  Dessa forma, não adianta ter uma taxa de download alta, se o ping for alto, sua internet estará lenta do mesmo jeito.

Mas como saber se minha velocidade está dentro dos limites contratados? Você só vai conseguir ter essa resposta se recorrer a um medidor de internet. É por meio dos dados obtidos ao final do teste que você saberá o que fazer.

Contudo, após medir sua velocidade, coloque em prática algumas dicas que poderão aliviar a lentidão da sua conexão.

Antivírus

Eles podem fazer com que seu computador fique mais lento. Na maioria das vezes, quase que inavegável, eles acabam roubando a velocidade da sua banda larga, dificultando a transmissão de dados. Você só conseguirá manter seu computador longe de vírus e malwares por meio de softwares de qualidade. Nesse sentido, os dois mais recomendados são o VírusScan e o Avira. O bom é que eles possuem versões gratuitas, mas há possibilidade de investir em planos pagos, eles não são tão caros e garantem uma excelente proteção ao seu computador.

Troque seus equipamentos antigos

Sabendo que a tecnologia sempre evolui, os equipamentos acabam ficando obsoletos após um determinado período. Por isso é necessário ficar atento às configurações e tempo de vida do seu roteador. Ele é o equipamento responsável por intermediar o seu sinal de navegação. Não se esqueça de verificar esse fator, ele é importantíssimo e influencia diretamente na sua velocidade de conexão.

Apague aplicativos e programas que não utiliza

medidor de internet

Aplicativos e programas que sugam sua internet sem necessidade devem ser desinstalados imediatamente. Alguns jogos, por exemplo, acabam consumindo boa parte da sua banda larga e acabam comprometendo sua rede de wi-fi. Quando a rede é compartilhada por várias pessoas, é possível que esses programas estejam sugando a velocidade do tráfego de dados.

Utilizar o medidor de internet com frequência

Para melhorar a velocidade da sua internet, nada melhor do que fazer um teste com uma periodicidade, ele te auxiliará a compreender melhor o desempenho da sua conexão.

Segurança na rede

É preciso tomar cuidado com os oportunistas de plantão. Fique de olho se você escolheu uma senha segura o suficiente para a sua rede. Somente dessa forma você se certificará se algumas pessoas não estão roubando seu sinal, consequentemente deixando-o mais lento. Procure escolher combinações difíceis de serem descobertas. Trocar a senha com frequência também é uma boa alternativa.

Com essas dicas você deixará sua internet mais rápida, reduzindo o estresse cotidiano causado pela lentidão de tráfego de dados. É importante que você utilize um bom medidor de internet, para saber se realmente está recebendo pela internet que está pagando.